“Se você não consegue engravidar, clame a Deus”, diz mãe que teve...

“Se você não consegue engravidar, clame a Deus”, diz mãe que teve gestação de risco

104
SHARE
Diante as circunstâncias, Adriana mostrou sua fé e Deus fez com que seus filhos nascessem saudáveis.

Ser mãe é muito gratificante, mas também é um grande desafio. A começar pela fase da gestação. A mulher passa cerca de nove meses na expectativa de ver o rostinho do bebê. Mas, e quando a gravidez é de risco? Adriana Inácio passou por essa experiência e compartilhou sua história.

“Sou mãe de três filhos. Ser mãe pra mim é uma experiência muito boa. É muito gratificante ser mãe. Quando descobri que eu estava grávida pela primeira vez foi muito bom. Foi uma experiência muito boa. Foi o primeiro neto da minha mãe”, disse a auxiliar de serviços gerais para a Rede Super.

Mas, nem tudo são flores. “As minhas três gestações foram complicadas. A primeira gestação eu tive pressão alta e diabetes. Quando eu vi que a gravidez seria de alto risco, as três gestações, eu fiquei tranquila porque as coisas quando tem que ser é né?”, comentou.

Confiança

Diante as circunstâncias, Adriana mostrou sua fé. “Eu falei: ‘Se for da vontade do Senhor vai nascer perfeito’. Os médicos estavam falando assim: ‘Mãe, não come isso. Mãe, não come aquilo’. Mas, infelizmente quando a gente tá grávida a gente não consegue deixar de comer as coisas. Eu comia, mas comia pouco. Mas eu comia”, relatou.

“Aí os médicos diziam assim: ‘Mãe, o neném pode nascer cego, obeso’. Mas, graças a Deus, Deus deu vitória nas três gestações. Deus não podia ter deixado herança melhor pra nós, porque é muito gostoso, sabe? É muito bom quando seu filho te chama de mãe pela primeira vez. É muito gratificante quando ele começa a andar, quando ele começa a correr pela casa”, ressaltou.

Fonte:Guiame

Share

NO COMMENTS

LEAVE A REPLY